Espaço Cultural Porto Seguro

poesia e visualidade

curso
31.1 a 14.2 – qui
das 19h30 às 21h30

O curso com João Bandeira aborda as relações entre poesia e visualidade, que compõem uma tradição alternativa, remontando à Antiguidade ocidental e que se amplia enormemente desde a virada para século 20.

A partir da obra de poetas como Mallarmé, Apollinaire e a produção das chamadas vanguardas históricas europeias – Futurismo, Construtivismo, Dada, Surrealismo e outras – o curso percorre um caminho da produção da poesia concreta chegando até a atualidade. Também são abordadas as interfaces do texto poético com a arte contemporânea, no trabalho de artistas brasileiros como Mira Schendel, Waltercio Caldas e Nuno Ramos, entre outros.

Encontro 1: Palavra e imagem: uma tradição subterrânea
Encontro 2: Vozes diversas da poesia: som, imagem, ideias
Encontro 3: Poesia, design gráfico e artes visuais

João Bandeira é poeta, músico e artista visual. Autor dos livros Princípio da Poesia (Entretempo, 1991), Dial (ed. do autor, 1995), Rente (Ateliê Editorial, 1997) e Quem Quando Queira (Cosac Naify, 2015) e de ensaios sobre literatura e artes visuais, publicados em jornais e revistas como Novos Estudos-Cebrap, Cult e Serrote. Atuando também como curador, escreveu textos para exposições de artistas como Nuno Ramos, Jac Leirner, Waltercio Caldas e Cildo Meireles, entre outros. O Princípio é o Meio (Oi Futuro, Rio de Janeiro, 2016) é a exposição individual mais recente de seus próprios trabalhos. Traduziu para o português poemas de Joan Brossa e organizou os livros 40 Escritos e Outros 40 (Iluminuras, 2000 e 2014), de Arnaldo Antunes, com quem participou do grupo Poemix em espetáculos multimídia.


3 encontros
Quintas, 31 de janeiro, 7 e 14 de fevereiro, das 19h30 às 21h30
30 vagas
COMO CHEGAR:
  • Porto Seguro
  • Gemma Restaurante
  • Teatro Porto Seguro
©2018 Espaço Cultural Porto Seguro | Todos os direitos reservados